Visitantes online

contador de visitas

Caroline mãe de Izabelli que é surda, também quer Libras na escola

segunda-feira, abril 29, 2013

Nesta foto eu estou com Caroline Cristina Durando de 25 anos. Ela é casada com Gilson Ismael Pereira de 31 anos. Ambos tem duas filhas: Izabelli de 9 anos e Jeniffer de 6.


 
 
Izabelli é surda. Nasceu surda pois sua Carol teve toxoplasmose durante a gravidez.
 
Ano passado Izabelli passou por várias escolas, pois aos 8 anos ainda não era alfabetizada. Caroline enfrentou muita luta para conseguir professores para sua filha.
 
Hoje há professoras na escola formados em Libras. Não são especilistas em Libras. Aprenderam por conta própria, pois se sensibilizaram com Izabelli e Camila, uma outra aluna surda que há na mesma escola municipal: Geraldo Alves Pinheiro, que fica no bairro Linda Chaib aqui em Mogi Mirim. E essas professoras não recebem um centavo a mais por este trabalho maravilhoso que fazem. Elas simplesmente  querem ensinar crianças ouvintes e dar uma atenção especial a Izabelli e Camila.
 
Caroline diz que as duas professoras se desdobram para atender Izabelli e Camila.
 
Durante as aulas normais que acontecem no período da manhã, não há comunicação com Izabelli. No período da tarde, Izabelli frequenta o CEMEI, onde tem aulas de Libras.
 
O que Caroline questiona, é:
 
"Se é lei, porque não inserir Libras nas aulas da manhã? Para que as coleguinhas possam aprender e interagir com Izabelli? No futuro, como minha filha irá cursar uma faculdade? Não quero que ela continue usando sinais caseiros. Libras já é a segunda língua oficial do Brasil. Já tem dicionário, livros, etc. Ninguém entende isso?"
 
Eu também não entendo uma coisa tão óbvia!!!! E as autoridades não tomam as devidas providências.
 

Leia Também

0 comentários

Seu comentário é muito importante!
Obrigada

Os mais lidos

Meu canal no Youtube

Loading...