Visitantes online

contador de visitas
,

Alagoanos lançam vídeo de humor com interpretação em Libras

sábado, agosto 15, 2015


Fonte: http://g1.globo.com/al/alagoas/noticia/2015/08/alagoanos-lancam-video-de-humor-na-internet-com-traducao-em-libras.html


Alagoanos lançam vídeo de humor na internet com tradução em libras

Criadores do canal "Ôxe!" pretendem aproximar público surdo.
Grupo está unido na produção de vídeos há pouco mais de um mês.ACEBOOK

No vídeo, ator conta causos e a intérprete faz a tradução simultânea para libras (Foto: Divulgação/ Canal Ôxe)No vídeo, ator conta causos e a intérprete faz a tradução simultânea para libras (Foto: Divulgação/ Canal Ôxe!)
“Humor para todos”. É com esse slogan que cinco jovens maceioenses, que juntos fundaram o canal “Ôxe!” no Youtube, se preparam para alcançar um novo público: os deficientes auditivos.
É que neste sábado (15), o grupo lança seu primeiro vídeo de humor com tradução simultânea de libras. O objetivo, dizem eles, é fazer com que o público surdo se identifique com o conteúdo produzido.
Confira o primeiro vídeo com tradução em libras clicando aqui.
Um dos integrantes do grupo, Matheus Alves, 21, roteirista, conta que a ideia de produzir os vídeos com tradução simultânea surgiu logo após a criação do canal, há pouco mais de um mês.
Jovens alagoanos criaram canal de humor na internet (Foto: Arquivo Pessoal/ Matheus Alves)Jovens alagoanos criaram canal de humor
na internet (Foto: Arquivo Pessoal/ Matheus Alves)
“Tudo começou quando já tínhamos lançado dois vídeos. O Abner [Antônio, 23, diretor de arte] nos comunicou sobre essa ideia de implantar libras em nossos materiais. Nós todos apoiamos a ideia na hora. A partir daí, a gente parou a produção de novos vídeos por duas semanas para estudar qual seria a melhor estratégia para criar esse conteúdo”, explica Alves.
Ainda segundo ele, do surgimento da ideia até ser executada foi algo rápido, pois o diretor de arte do canal mantinha contato com intérpretes de libras e pessoas surdas. A intérprete Kelly Oliveira foi convidada para cuidar das traduções dos vídeos, que podem levar até uma semana para ficarem prontos.
“Nós esperamos que a comunidade surda se identifique com o que lançamos e que compartilhem conosco as suas histórias engraçadas, que nos ajudem a gerar conteúdo. Queremos que isso sirva de incentivo para que outros canais também lancem seus conteúdos com acessibilidade, sem aquelas barreiras que insistimos em criar”, conclui o roteirista.
Criatividade
Além do Matheus e do Abner, o canal “Ôxe!” também é composto por Abmael Antony, 21, produtor, Felipe Melo, 23, ator e roteirista, e Ícaro Mota, 22, que também é ator (é ele quem interpreta a personagem recém-lançada “Judite Bola Gato”) e roteirista. Todos têm formações distintas – entre eles há um tatuador, um profissional em vendas e um especialista em comunicação e liderança - e se uniram para produzir humor.
Personagem "Judite Bola Gato" (ícaro Mota) com deficientes auditivos durante a gravação de um dos vídeos (Foto: Arquivo Pessoal/ Matheus Alves)Personagem "Judite Bola Gato"; (ícaro Mota), com
deficientes auditivos durante a gravação de um
dos vídeos (Foto: Arquivo Pessoal/ Matheus Alves)
Até o momento, eles têm investido em vlogs, que são uma espécie de diário em vídeo, onde Felipe Melo conta causos com um sotaque carregado. O material é gravado na casa de um deles.
“Foi o Abner que entrou em contato com cada um de nós. Decidimos nos reunir para poder 'trocar uma ideia' de como seria o canal. Nós nos demos bem 'logo de cara', e as ideias dos quadros foram surgindo, além do nome e o conteúdo. Durante uma semana fomos conversando pelas redes sociais, e, na semana seguinte, já estávamos gravando o primeiro vídeo. Foi bem rápido”, conta Matheus.
O “Ôxe!” não é o primeiro canal alagoano de humor a surgir na internet, mas, ainda segundo o Matheus, a resposta do público à proposta deles tem sido muito positiva. Só na rede social, já são quase mil curtidas, e o primeiro vídeo do grupo foi visto mais de 2 mil vezes.
“Nós sempre mantemos contato com todos aqueles que assistem nosso canal. O apoio dos nossos seguidores é muito transparente, e fica logo fácil perceber que estamos sendo queridos em nossas iniciativas. O feedback é bastante positivo”, afirma o roteirista.

Leia Também

0 comentários

Seu comentário é muito importante!
Obrigada

Os mais lidos

Meu canal no Youtube

Loading...